Boato: Tasuko Honjo diz que coronavírus foi criado como arma biológica

Durante a pandemia, surgiram enumeras fake news a respeito do coronavírus, sua origem  sua periculosidade entre outras coisas. Entretanto a mais recente afirma que o Dr. Tasuko Honjo diz que coronavírus foi criado como arma biológica.

Todavia o imunologista japonês, repudiou o boato que nas palavras dele só causou mais desinformação num momento onde todos deveriam permanecer unidos.

 Quem é Tasuko Honjo

Tasuko Honjo

Tasuko Honjo,imunologista japonês e nobel de medicina, dá aulas na Universidade de Kyoto desde 1984.

Ele e James Patrick Allison, imunologista norte americano, ganharam o Nobel em 2018, após descobrirem a terapia de checagem imunológica.

O novo método faz com que as células do sistema imunológico voltem a combater os tumores através do bloqueio de duas proteínas a CTLA-4 e a PD1 que funcionam como um controle ou um freio do sistema imunológico.

Ao “atrapalhar” estes freios o sistema imunológico se tornou mais rápido e ganhou força contra diversos tipos de tumores cancerígenos, com resultados comprovados na luta contra o melanoma, cancro dos pulmões e dos rins.

Recentemente Tasuku Honjo se encontrou numa posição difícil ao ter seu nome envolvido com uma grave fake news divulgada nas mídias a respeito do coronavírus.

De acordo com o boato o médico teria dito que o coronavírus não seria natural e nem vindo de morcegos ou de qualquer outro animal, mas uma arma biológica criada em laboratório pelos chineses.

Como professor e vice-diretor-geral do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de Kyoto, Honjo disse estar “profundamente triste” com a publicação desta noticia falsa e ainda usando seu nome como referencia.

A universidade publicou uma nota onde afirma que Tasuko Honjo nunca teria feito nenhuma afirmação sobre o coronavírus ter sido criado em laboratório pela China como arma biológica. De acordo com o comunicado do nobel de medicina:

Em meio à dor, à perda econômica e ao sofrimento global sem precedentes causados pela pandemia de COVID-19, me entristece enormemente que meu nome e o da Universidade de Kyoto tenham sido utilizados para difundir acusações falsas e desinformação”.
“Neste ponto, quando todas as nossas energias são necessárias para tratar os doentes, prevenir a disseminação da tristeza e planejar um novo começo, a transmissão de alegações infundadas sobre as origens da doença é uma distração perigosa”, afirma Honjo e ainda segundo ele todos deveriam estar unidos contra esta pandemia e não espalhando fake news.

As alegações falsas foram publicadas originalmente por uma conta no Twitter no dia 24 de abril com o nome @TasukoHonjo mas que não é de propriedade do médico pois este não tem twitter, e negou ter feito estes comentários.

Você também pode se interessar por:

 Fake news publicadas no twitter, Facebook e Whatsapp em 24 de abril

Mídias Sociais

Fiz 40 anos de pesquisa em animais e vírus. Não é natural. É fabricado e o vírus é completamente artificial. Trabalho há 4 anos no laboratório Wuhan na China. Conheço bem todo o pessoal deste laboratório. Liguei para todo mundo depois do acidente de Corona, mas todos os telefones estão inoperantes há 3 meses. Agora, entende-se que todos esses técnicos de laboratório estão mortos.
Com base em todo o meu conhecimento e pesquisa até o momento, posso dizer isso com 100% de confiança de que Corona não é natural. Não veio de morcegos. China fez isso. Se o que digo hoje for falso agora ou mesmo depois da minha morte, o governo poderá retirar meu Prêmio Nobel, mas a China está mentindo e essa verdade será um dia revelada a todos

Além disso de acordo com a biografia de Tasuko Honjo disponível no site da Universidade de Kyoto, no Japão, diz claramente que ele só trabalhou nos Estados Unidos e no Japão, nunca na China, muito menos em Wuhan.

Noticias falsas, boatos e todo o tipo de fake news são divulgadas pelas mídias sociais o tempo todo. Algumas podem ser engraçadas mas outras podem levar as pessoas que acreditarem nelas a sofrerem graves acidentes ou a causarem danos morais aos envolvidos nas falsas histórias.

Então, gostou da matéria?

Que tal nos seguir também no Facebook e no Twitter? Assim poderá acompanhar ainda mais todos os assuntos publicados pela equipe do Mundo do Curioso a respeito de itens como Fatos curiosos, Bem estar, Saúde, Entretenimento, Ciência e Tecnologia entre outros relacionados ao mundo e suas peculiaridades.

 

Comentários
Carregando...