Conheça a máscara estilo Pac-Man que permite que você faça suas refeições sem retirá-la

“A “boca” será aberta mecanicamente manualmente, remotamente ou automaticamente quando o garfo chegar próximo a máscara”, disse Asaf Gitelis, vice-presidente da Avtipus Patents and Inventions, ao demonstrar o dispositivo.

É quando aparecem as necessidades que nos reinventamos. Nos últimos meses, a nova realidade imposta pelo coronavírus no Brasil e em diversos outros países, tem feito as pessoas se reinventarem na busca de soluções que possam melhorar nosso dia a dia.

Com a necessidade do uso constante de proteções faciais, para impedir que o vírus se dissemine, pequenos problemas surgiram no dia a dia das pessoas. Para aqueles que usam óculos, manter ele sem embaçar é algo quase impossível quando usamos máscara. Felizmente, fizemos uma lista com dicas fáceis para usar óculos e máscara sem embaçar.

Outro problema que tem incomodado aqueles que precisam fazer suas refeições, é inevitavelmente ter que tirar suas máscaras para comer e por algum momento se exporem ao vírus. E como não conseguimos enxergar o vírus do coronavírus, é muito importante que estejamos utilizando máscaras para nos proteger do contágio.

 

Máscara Pac-Man

Pensando nisso, inventores israelenses desenvolveram uma máscara para proteção contra o coronavírus, com uma boca de controle remoto, que permite que as pessoas comam comida sem tirá-la, um dispositivo que eles dizem que poderia tornar a visita a um restaurante menos arriscada.

Máscara Pac-Man
Meir Gitelis, co-desenvolvedor de uma empresa israelense, come enquanto usa o protótipo equipado com uma boca mecânica que se abre para permitir que os clientes comam sem tirá-la.

Um aperto de alavanca, como um ciclista aciona o freio de mão, abre uma fenda na frente da máscara para que a comida possa passar.

O processo pode deixar ela um pouco melecada ao ingerir sorvetes ou molhos, mas pedaços mais sólidos podem ser devorados rapidamente como um Pac-Man, personagem tão conhecido do arcade criado no ano de 1980.

“A máscara será aberta mecanicamente remotamente à mão ou automaticamente quando o garfo chegar à máscara”, disse Asaf Gitelis, vice-presidente da Avtipus Patents and Inventions, na segunda-feira, demonstrando o dispositivo em seus escritórios perto de Tel Aviv.

“Então você pode comer, apreciar, beber e tirar o garfo e ele será fechado, e você estará protegido contra o vírus e a outras pessoas sentadas com você.”

Você também pode gostar:

A empresa disse que planeja começar a fabricar a inovação dentro de alguns meses e já havia apresentado uma patente. A Avtipus Patents and Inventions, disse que provavelmente venderá a máscara ao valor de $ 0,85 a $ 2,85 dólares acima do preço das máscaras médicas, azuis que muitos israelenses da área médica utilizam.

Do lado de fora de um “Juice Bar” em Tel Aviv, a Reuters mostrou aos clientes um vídeo feito a partir de um celular, da inovação em ação, e a opinião foi dividida.

“Acho que essa máscara, que me permite comer enquanto ainda a uso, é obrigatória”, disse Ofir Hameiri, estudante de 32 anos.

Mas, comendo um sorvete, Ron Silberstein, um músico de 29 anos, disse: “Não acho que essa máscara possa conter esse tipo de sorvete – está pingando por toda parte. Eu não gostaria de usá-lo depois.

Israel reabriu amplamente sua economia após uma queda drástica nos casos do novo coronavírus. Por enquanto, os restaurantes estão abertos apenas para que os clientes levem a comida para casa.

Então, gostou da matéria?

Que tal nos seguir também no Facebook e no Twitter? Assim poderá acompanhar ainda mais todos os assuntos publicados pela equipe do Mundo do Curioso a respeito de itens como Fatos curiosos, Bem estar, Saúde, Entretenimento, Ciência e Tecnologia entre outros relacionados ao mundo e suas peculiaridades.

 

Comentários
Carregando...