5 Fatos incríveis sobre os gêmeos idênticos que a ciência não explica

Crianças gêmeas chamam a tenção e estimulam a curiosidade das outras pessoas e a maioria se pergunta: A conexão entre estas crianças é realmente tão forte quanto alguns dizem a ponto de, uma poder ler a mente da outra? Separamos alguns fatos incríveis sobre os gêmeos idênticos que a ciência não explica.

Gêmeos idênticos

Gêmeos idênticos

Gêmeos idênticos acontecem quando um único óvulo é fecundado por um espermatozoide e juntos formam o zigoto. Quando este zigoto se divide em duas células completas, cada uma se transforma em um bebê gêmeo do outro.

Apesar destes irmãos possuírem exatamente o mesmo DNA e serem extremamente parecidos, existem diferenças sutis entre eles. E isto começa no corpo da mãe.

O Corpo da mãe de gêmeos

O corpo da mãe de gêmeos

Quando a mãe vai amamentar o bebê, o seu corpo sabe exatamente a quantidade de leite que a criança vai tomar e qual a temperatura ideal.

No caso de gêmeos, cada mama se adapta de forma diferenciada para atender a demanda de cada gêmeo, de modo específico. Variando a temperatura e a quantidade para cada um.

Este ajuste independente e, ao mesmo tempo, simultâneo que o corpo materno realiza, ainda surpreende os especialistas.

Gêmeos Imagens de Espelho um do outro

Espelhamento

Isto acontece, geralmente, com 25% dos casos de gêmeos idênticos durante seu desenvolvimento no útero. Quando eles crescem e se desenvolvem um de frente para o outro, costuma ocorrer um efeito de espelhamento, onde apesar de serem iguais fisicamente, possuem características opostas.

Como por exemplo um deles se torna canhoto e o outro destro. Eles possuem os mesmos reflexos de movimento porem de forma oposta.

Gêmeos Idênticos não possuem a mesma digital

Digital

Apesar das crianças gêmeas serem fisicamente iguais e de possuírem o mesmo DNA, suas impressões digitais são individuais e completamente diferentes.

As impressões digitais não são determinadas pelo DNA, mas pelos seus movimentos ainda dentro do útero que provocam sulcos e vincos na pele, gerando linhas únicas e marcas exclusivas.

Você também pode se interessar por:

 

Primeira Conexão

Conexão

Gêmeos se conectam dentro útero a partir da 13 semana quando começam a se aproximar até se tocarem fisicamente algumas semanas depois.

Este vínculo iniciado no ventre da mãe continua depois que eles nascem a ponto de a maioria dos irmãos gêmeos se comunicarem entre si através de um dialeto só deles, incompreensível para as demais pessoas da família e amigos. Esse idioma próprio deles costuma ser falado antes mesmo de aprenderem a falar seu idioma de origem.

Ligação emocional

Ligação Emocional

Assim como a ligação física é forte na maioria dos casos de gêmeos idênticos, a conexão emocional também tende a ser. Existem relatos de gêmeos que foram separados recém nascidos, que nunca souberam um do outro durante a maior parte da vida e, ao se conhecerem tinham coisas incríveis em comum como o nome do cachorro ser o mesmo, terem o mesmo carro com a cor idêntica, além de terem esposas com o mesmo nome.

Outra ligação é ainda mais interessante, quando um irmão costuma sentir fisicamente quando o outro precisa dele. Duas irmãs norte americanas, gêmeas idênticas, são tão próximas que quando uma passou mal sozinha em casa a outra que estava longe, em um evento, sentiu que a irmã precisava de ajuda e saiu ao seu encontro, terminando por salvar sua vida ao levá-la ao hospital devido a um AVC.

De acordo com especialistas como a psicóloga Cecília Zylberstajn que atende em São Paulo com psicoterapia de adolescentes e adultos, diz que a ciência ainda não consegue explicar esta conexão peculiar que irmãos gêmeos idênticos compartilham.

Entretanto é importante lembrar que apesar de todas as semelhanças físicas e conexões emocionais que estas crianças possuem, ainda são pessoas que devem ser vistas como seres individuais com características e temperamentos diferentes e muitos não apreciam se vestir de maneira igual ou serem confundidos por familiares e amigos.

Apesar desta ser uma brincadeira comum entre eles, mas que com o passar do tempo costuma parar devido ao desejo de serem vistos como seres individuais.

 

Créditos de imagem: Pxhere e Pixabay

Então, gostou da matéria?

Que tal nos seguir também no Facebook e no Twitter? Assim poderá acompanhar ainda mais todos os assuntos publicados pela equipe do Mundo do Curioso a respeito de itens como Fatos curiosos, Bem estar, Saúde, Entretenimento, Ciência e Tecnologia entre outros relacionados ao mundo e suas peculiaridades.

 

Comentários
Carregando...