Os graves efeitos causados pela privação do sono

Sabe aquela segunda feira pesada, que passamos o dia só pensando na hora de ir para casa se atirar na frente da televisão e dar aquela relaxada no sofá? Todos nós já tivemos um dia assim e muitas vezes aquela noite mal dormida é a provável causa de toda essa fraqueza em nosso corpo. É claro que uma noite mal dormida é normal para todos, mas o problema está quando isto passa a ser comum e muitas vezes, nem percebemos o mal que esta privação de sono está causando em nosso corpo.

Períodos nos quais dormimos regularmente menos de 7 horas, podem ser caracterizados pela privação de sono ou pela insuficiência dele, e existem diversas razões pelas quais isso pode acontecer. Na maioria das vezes, aquela olheira escura que te entrega para todo mundo a péssima noite que teve, pode ser evitada não somente com maquiagem, mas também através de algumas mudanças de hábito.

Pesquisas indicam que a quantidade adequada de sono para uma pessoa adulta, é de 7 a 9 horas por dia e que cerca de ¼ desta população, enfrenta problemas com o sono, além disso, a população mais jovem também sofre com a privação e por trás dos sintomas aparentes, como cansaço, sonolência diurna, alterações de humor e as já citadas olheiras, estão os efeitos mais graves que devemos nos preocupar.

 

  • Sistema imunológico

É enquanto dormimos que nosso corpo está trabalhando para fortalecer nosso sistema imunológico para combater diferentes bactérias e vírus. A falta de sono faz com que nosso corpo não produza a quantidade necessária, deixando nosso sistema imunológico mais franco e consequentemente, mais propensos a infecções e doenças.

 

  • Hipertensão

O sono é responsável por regular o nível de nosso hormônio do estresse, e quando não estamos recebendo hormônio suficiente, passamos a comprometer a capacidade que o nosso corpo tem de controlar o estresse, levando a um aumento da pressão arterial. Todavia, esta já é uma condição mais grave que acomete casos de pessoas que dormem de 5 a 6 por dia.

 

  • Ganho de peso

Temos um hormônio chamado leptina, também produzido enquanto dormimos. A leptina, é responsável pela nossa sensação de saciedade e uma vez que somos privados do sono, passamos a produzir grelina, também conhecido como o hormônio da fome.

Muitas vezes, quando estamos sem sono, nos pegamos atacando a geladeira e fazendo aquele lanche noturno. Em pessoas com insônia, este hábito pode vir a se tornar um vício e consequentemente, aumentar o número de calorias diária, fazendo com que ela tenha ganho de peso.

 

  • Atenção prejudicada

Uma noite bem dormida nos deixa descansados para que possamos enfrentar um novo dia; quando não descansamos o suficiente, nossa atenção e memória passam a responder tão lentamente quanto o nosso corpo cansado responde e isso pode trazer consequências graves e fatais, se estivermos dirigindo, por exemplo. Basta uma boa noite de sono para que tenhamos nossa memória melhorada.

 

  • Aparência mais velha

Sim, é verdade que o sono da beleza existe! Uma rotina saudável de sono, de no mínimo 8 horas por dia, nos deixa com a aparência mais jovem. Isso porque é durante o sono que nosso corpo produz o hormônio do crescimento, restaurando todas as células e agindo como um rejuvenescedor para músculos e pele.

Com poucas horas de sono, nosso corpo não tem tempo de produzir a quantidade necessária de hormônios, fazendo com que tenhamos uma aparência mais pálida e cansada.

 

Você pode se interessar também:

 

E como podemos recuperar o sono?

Para você que tem a noite de sono comprometida, saiba que a primeira coisa a fazer é procurar ajuda profissional em uma clínica do sono. Lá, eles poderão examina-lo e fazer um estudo que vai avaliar e diagnosticar o distúrbio do sono.

Na maioria dos casos, após o diagnóstico, a simples mudança de comportamento trará melhoras em suas noites. Com certeza não será da noite para o dia que você conseguirá dormir por 8 horas seguidas, mas o fará seguindo todas as orientações médicas.

Fora isso, mude seus hábitos para promover uma melhor noite de sono. Assista televisão apenas na sala; local de dormir é no quarto sem televisão e de preferência, com ele bem escuro.

Tenha hora para ir dormir e levantar; essa rotina, faz seu corpo se acostumar com os horários. É claro que no início vai ser mais difícil, mas com o tempo seu corpo vai entender. Inclua exercícios físicos em sua rotina e momentos relaxantes: como sair com amigos ou até mesmo levar seu pet para passear.

Passamos por um momento de alta conectividade e exigências aonde muitas vezes nos permitimos promover rotinas que desestabilizem o nosso bem-estar físico e mental, trazendo prejuízos ao nosso corpo. É normal termos uma ou outra noite de sono mal dormida, porém, fique atento aos sintomas que possam estar prejudicando você por se privar do sono.

 

Comentários
Carregando...