Por que os pianos têm teclas em duas cores: preto e branco?

O piano é um instrumento musical bastante conhecido entre as pessoas por ser amplamente usado em diversos tipos de ritmos musicais. Mas alguma vez você já se perguntou qual a razão dos pianos terem as suas teclas em duas cores diferentes? Pois é, poucos sabem a razão disso, então resolvemos matar esta curiosidade e ainda revelar alguns outros segredinhos deste instrumento, que certamente vai surpreender você.

O piano

piano 1655558 640

Embora o piano não seja um instrumento desconhecido do público em geral, afinal é comum vê-lo em clips musicais ou até em espetáculos de Natal, promovidos no final do ano. A verdade é que o piano ainda guarda algumas curiosidades pouco divulgadas para a população

Pois é, uma destas curiosidades é que o piano é considerado um instrumento musical de corda, assim como a harpa, o violão, a guitarra entre outros.

Isto acontece porque um dos ancestrais do piano era um instrumento chamado Monocórdio cujo som se originava da vibração das cordas, assim como a guitarra ou o violão.

Mas não é só isso, o piano é tido também como um instrumento de percussão pois suas cordas não são tocadas diretamente pelos dedos do músico e, sim, através de pequenos martelos que batem nas cordas causando a vibração. Entretanto este não é o único segredinho deste instrumento multitarefa.

O primeiro piano

monocordio

O primeiro piano propriamente dito surgiu em 1709 pelas mãos de um italiano chamado Bartolomeo Cristofori. Aliás o nome do instrumento, nem de longe, se assemelhava ao atual piano sendo denominado Clavicembalo col piano e forte. Ou seja, “um Clavecino que pode tocar sons altos e fortes.”

Contudo após sofrer várias alterações e melhorias como o ganho de pedais e o formato de “mesa”, o instrumento de Cristofori só ganhou fama nas mãos dos grandes compositores clássicos como Mozart, Beethoven e Chopin. Além disso passou a ser conhecido pelo simples nome de piano.

Você também pode se interessar por :

As cores das teclas do piano

piano 3112410 640

Atualmente as teclas dos pianos modernos são predominantemente brancas para as notas chamadas “naturais” ou Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá, Si, enquanto as teclas pretas são usadas para definir as notas sustenidos que são meio tom acima das naturais e bemóis que são meio tom abaixo do tom das notas naturais.

Entretanto nos pianos do século XVIII as cores das teclas eram ao contrário do piano moderno. Tanto que grandes compositores como Mozart tocavam em pianos cujas teclas eram predominantemente pretas, feitas de madeira de ébano, enquanto as de meio tom eram brancas.

Porém a iluminação a base de velas e lamparinas a óleo da época prejudicava a visualização das teclas pretas do piano, tornando o ato de tocar mais difícil para os musicistas e compositores.

Assim com o intuito de facilitar a visualização das teclas em ambientes poucos iluminados, a partir do século XIX as cores foram invertidas.

Mas então por que o teclado do piano não foi feito em branco e preto desde o começo? Bem uma das hipóteses é que na época, no continente europeu onde o instrumento nasceu, as pessoas tomavam pouco ou nenhum banho e as teclas brancas logo ficariam sujas da gordura e outros resíduos das mãos, adquirindo uma aparência desagradável.

Então colocar as teclas predominantemente pretas era uma solução simples e mais barata. Porém, logo o ébano ficou exclusivo das notas de meio tom enquanto as brancas passaram a ser predominantes no teclado que eram feitas de marfim, material atualmente proibido e substituído por plástico.

Versatilidade

manhattan 1674404 640

Inegavelmente o piano é um instrumento bastante versátil e por isso ganhou popularidade pelo mundo. Apesar de ter ficado famoso devido aos clássicos compositores como Chopin e Mozart, a verdade é que o piano também faz sucesso em composições de Jazz, Blues, Pop e até no Rock.

Por exemplo, começando com os incríveis Jerry Lee Lewis, Little Richards e Ray Charles, eternos clássicos do Rock até os músicos mais atuais como Paul MacCartney, Elton John e grupos como o Mozart Heroes, quando o som do piano é tocado na guitarra, vale a pena conhecer.

Créditos de imagem: Pixabay; https://www.institutoclaro.org.br/educacao/para-ensinar/planos-de-aula/o-monocordio-de-pitagoras/ ; pixabay ;

Capa: Pixabay piano-1522856-1920.jpg.

Comentários
Carregando...