Ressaca, descubra as 7 receitas matadoras para curá-la

Cachaça não é água e quando se exagera no consumo de bebidas alcoólicas, não importa o tipo se fermentada o destilada, a ressaca no dia seguinte aparece. “Você pensa que cachaça é água? Cachaça não é água não…” A famosa marchinha de carnaval composta por Marinósio Trigueiros Filho” na década de 1940 e sucesso até hoje, já dizia uma grande verdade.  Por isso é interessante conhecer estas 7 receitas contra a ressaca no carnaval.

Ressaca ou Veisalgia

Pessoas brindando

A veisalgia, termo originado do norueguês kveis, que significa  algo como “desassossego depois do descomedimento”, com a terminação grega algia, que significa “dor”, é o nome cientifico da popular ressaca, que nada mais é do que a reação do organismo por intoxicação, devido ao consumo exagerado de bebida alcoólica. Inegavelmente os sintomas são náusea, dor de cabeça intensa, sensibilidade a luz, diarreia, vômito, azia, fadiga, desidratação severa e, em alguns casos, alterações psicológicas como depressão e ansiedade.

Primeiramente, estes sintomas ocorrem porque o álcool causa a desidratação do organismo devido a um aumento da frequência urinaria. Desta forma os efeitos da desidratação, a queda da glicose no sangue e a intoxicação pelo acetaldeído que, nada mais  é do que o resíduo tóxico da metabolização do álcool no corpo, causam um envenenamento do nosso sistema fisiológico, uma espécie de inflamação generalizada no organismo. Afinal o sangue intoxicado percorre todo o corpo levando esse acetaldeído a todos os órgãos deixando-os doentes.

Embora os efeitos da ressaca sejam dolorosos e iniciem aproximadamente 24 horas após a ingestão do álcool, existem formas de amenizar seus efeitos.

7 receitas infalíveis contra a ressaca no Carnaval

O organismo demora cerca de uma hora para metabolizar o equivalente a uma latinha de cerveja. Então um truque simples para evitar a ressaca é  beber 1 copo de água para cada copo de bebida alcoólica e, se possível, comer bem ao menos uma hora antes de sair para festejar evitando assim os sintomas indesejáveis.

Mas para aqueles que não se lembram destas dicas simples, existem receitas caseiras para a ajudar a reduzir os efeitos da ressaca.

 

Receita número 1: Chupar Gelo

gelo contra ressaca

Simples e fácil, basta colocar algumas pedras de gelo num copo e chupá-las como se fossem bala. Isso alivia a náusea evitando os vômitos que irão aumentar a desidratação gerada pelo consumo de bebida alcoólica. A explicação cientifica para o bom resultado do gelo é que além de ser água, elemento necessário para a recuperação do organismo, a temperatura fria do gelo atua no corpo doente que está superaquecido.

Desta forma, o choque térmico ameniza os espasmos no estômago e reduz as chances de vômitos.Analogamente, esse tratamento é muito usado também por gestantes para evitar os enjoos e náuseas matinais, sendo bastante eficaz.

 

Receita número 2: Água de Coco

água de coco contra ressaca

Embora alguma pessoas prefiram ingerir bebidas  isotônicas no lugar porque o sabor não as agrade, nada substitui a água de coco na recuperação da ressaca. Rica em potássio e o sódio,  a água de coco tem uma composição muito similar a solução fisiológica utilizada no tratamento de desidratação severa e desintoxicação.

Além disso possui poucas calorias e um índice próximo ao zero de gordura e colesterol, tendo mais potássio que 4 bananas, podendo ser consumida por pessoas de todas as idades, por não ter contraindicações. Desta forma é ótima para a recuperação da ressaca, o ideal é consumir bem gelada logo ao acordar e durante o dia.

 

Receita número 3: Suco de Tomate

suco de tomate

Com certeza o tomate é uma fruta muito versátil e extremamente saudável, seja na salada, molhos ou sucos. O drink famoso chamado Bloody Mary, porém na versão não alcoólica, é uma boa opção no alivio dos efeitos da ressaca matinal. Afinal contém água e açúcares que auxiliam no equilíbrio dos níveis de glicose no sangue e também hidratam o organismo.

Além disso é uma ótima fonte de potássio, importante para o bom funcionamento dos músculos e do coração.Outro fato importante é que o tomate também é rico em licopeno uma substância natural que diminui o colesterol ruim e ainda atua como anti-inflamatório, reduzindo o risco de problemas graves de saúde como o câncer de próstata.

 

Receita número 4: Água Gaseificada com Limão

Água com limão

O limão é uma das frutas mais versáteis que existe, podendo ser usada para temperar saladas, carnes brancas e ainda para fazer doces, sucos e óleos essenciais medicinais. De fato juntando  ingredientes benéficos como o limão é a água e temos um poderoso remédio caseiro para curar a ressaca. Além disso a fruta  é rica em vitamina C. e contém apenas 26 calorias.

A água com limão é excelente para a digestão pois estimula  a produção da bílis pelo figado, fundamental para o processo.Da mesma forma ajuda a expelir as toxinas  acumuladas no trato digestivo aliviando os sintomas como azia e inchaço, tão frequentes na ressaca.

 

Receita número 5: Chá de Boldo

chá contra ressaca

Surpreendentemente a velha receitinha da vovó para problemas digestivos funciona e muito bem contra os sintomas da ressaca. O chá de boldo contém lactona uma substância com gosto amargo porém eficaz na digestão, apesar do sabor não muito agradável. De fato a planta contêm numerosos fitoquímicos além da lactona como a boldina, cânfora, limoneno, beta-pineno e a cumarina todos digestivos.

Além disso,o boldo têm efeito diurético, laxante, antibióticos e anti-inflamatório também possui outras propriedades medicinais como o ascaridol um vermifugo natural além de substancias antioxidantes, analgésicas e antissépticas todas importantes para o  funcionamento restabelecimento da saúde do fígado e demais trato digestivo. Entretanto, apesar de tantos benefícios, o boldo deve ser consumido com moderação pois em grande quantidade ele se torna tóxico.

 

Você também pode se interessar por:

Receita número 6: Chá de Carqueja

Igualmente o chá de carqueja  é rica em flavonoides, especialmente a hispidulina, substancias aliadas do fígado pois possuem ação hepatoprotetora, ou seja,protegem o órgão contra muitas substancias nocivas. Além disso extratos da planta são capazes de reduzir a secreção gástrica protegendo o estomago contra gastrites e ulceras e ainda tem efeito analgésico,contribuindo para uma boa digestão.

Igualmente importante a saber a respeito da carqueja é que ela tem a capacidade de reduzir a absorção de carboidratos ingeridos nas refeições, sendo assim, é particularmente benéfica para pessoas com diabetes.

 

Receita número 7: Sorvete

sorvete contra ressaca

O leite contém uma substancia chamada cisteína que é  um aminoácido capaz de digerir o acetaldeído, a toxina resultante da metabolização do álcool no organismo. Entretanto, no caso do sorvete, ele tem a vantagem de conter o leite e ainda por cima ser gelado, outro fator importante pois,assim como o gelo, ameniza os espasmos no estômago e reduz as chances de vômitos.

Além disso, por ser rico em cálcio, alivia a gastrite e irritação da mucosa estomacal, reduzindo o desconforto do trato digestivo. E ,ainda por cima, cai bem nos dias de calor durante o período de Carnaval.

 

Crédito de imagem: pxhere

Comentários
Carregando...