Veja o momento exato que a lua é atingida por um meteorito a 61 mil km/h

Durante a Superlua de Sangue que ocorreu no mês de janeiro, foram registradas pela primeira vez, imagens de um meteoro atingindo a Lua. Praticamente todos os anos é possível presenciar o fenômeno. Ela é conhecida por este nome, quando a lua cheia ocorre no momento em que a lua se encontra mais próxima ao planeta Terra, ficando ligeiramente maior pra quem a observa.

Já a Superlua de Sangue, é um raro episódio que ocorre quando um eclipse total acontece no mesmo momento em que é possível presenciar uma Superlua. A coloração avermelhada da Lua, se dá pela relação entre a proximidade dela com a Terra e os raios solares.

O que ocorre para ter essa coloração é que apenas as cores de baixa frequência, emitidas pelo sol, são refletidas pela atmosfera do nosso planeta, em direção a Lua, deixando-a com essa aparência avermelhada.

 

O impacto na Lua

Lua de Sangue

Conforme o portal Science Daily, Madiero e Ortiz, astrônomos que operam o Sistema de Detecção e Análise de Impactos da Lua (MIDAS), usando oito telescópios no sul da Espanha para monitorar a superfície lunar, flagraram o momento inédito e relataram os detalhes.

O flash do impacto durou apenas 0,28 segundos, o suficiente para ser visto a olho nu e, apesar de diversas tentativas anteriores, foi o primeiro registrado durante um eclipse lunar.

Você também pode gostar:

Estimasse que o impacto tenha gerado uma cratera de 10 a 15 metros de profundidade na superfície lunar e para melhor entender este inédito momento, Madiedo e Ortiz disponibilizaram uma animação da colisão, bem como a filmagem do momento do impacto do meteorito.

Pelas imagens do impacto, o meteorito tinha o tamanho de 30 cm a 60 cm, uma massa de 45 kg e atingiu a Lua a uma velocidade de 61 mil km/h.  Diferente da Lua, o planeta Terra possui uma atmosfera que a protege do impacto de pequenos asteroides, desintegrando-os antes mesmo de alcançarem a superfície.

Já a Lua, por não ter uma atmosfera capaz de protegê-la, permite que até pequenas rochas a atinjam, deixando marcas em sua superfície.

Então, gostou da matéria?

Que tal nos seguir também no Facebook e no Twitter? Assim poderá acompanhar ainda mais todos os assuntos publicados pela equipe do Mundo do Curioso a respeito de itens como Fatos curiosos, Bem estar, Saúde, Entretenimento, Ciência e Tecnologia entre outros relacionados ao mundo e suas peculiaridades.

Crédito Imagem: pixabay

Comentários
Carregando...