Vírus da Dengue – Tudo o que você precisa saber

O vírus da dengue é o causador de uma doença febril aguda e afeta aproximadamente 130 países no mundo inteiro. Em 2019, o Brasil concentrou o maior número de casos na América Latina, segundo a Organização Pan-Americada da Saúde (OPAS).

Foram mais de 2,7 milhões de casos registrados no continente latino, sendo que do total, certa de 22 mil casos foram registrados como casos graves. Destes, 1.206 vieram a óbito.

 

Aonde a dengue surgiu?

Os primeiros relatos do contágio de dengue no Brasil, datam do final do século XIX, na cidade de Curitiba, estado do Paraná, e logo no início do século XX, em Niterói, no estado do Rio de Janeiro. Porém, a primeira ocorrência do vírus no Brasil, documentada de forma clínica e laboratorial, se deu nos anos de 1981 e 1982, na cidade de Boa Vista (RR).

Em 1986, houve epidemias no Rio de Janeiro e em algumas cidades do Nordeste. A partir de então, o vírus é encontrado em todos os estados brasileiros. Sua disseminação para outros países se deu no século 16, a partir das grandes navegações. Sendo que para o Novo Mundo, acredita-se que tenha sido introduzido através dos navios que traficavam escravos.

Hoje, existem quatro tipos diferentes do vírus da dengue e uma pessoa pode contrair todos eles. Uma vez infectado, o corpo gera imunidade permanente para o sorotipo a qual a pessoa contraiu.

 

Como o vírus é transmitido?

O vírus da dengue é transmitido através do mosquito Aedes aegypti. Uma vez que ele se alimenta do sangue de uma pessoa contaminada, ele é infectado e passa a transportar o vírus pelo resto de sua vida. Então passa e transmitir a outras pessoas, ao picá-las.

O mosquito Aedes aegypti (mosquito transmissor) é originário do Egito, na África. Cientificamente, foi descrito pela primeira vez no ano de 1762 e denominado como Culex aegypti. Apenas em 1818, com a descrição do gênero “Aedes”, é que o nome atual (Aedes aegypti) foi reconhecido.

 

Sintomas da dengue

Os sintomas da dengue se assemelham aos de uma gripe. Febre alta, dores musculares, dor ao movimentar os olhos, mal estar, falta de apetite, dor de cabeça e manchas pelo corpo, são alguns dos principais sintomas da dengue.

Algumas vezes os sintomas da doença podem ser assintomáticos (sem sintomas), leve ou grave. Quando grave, pode levar até a morte, mas na grande maioria dos casos, após dez dias, a cura da doença acontece de forma espontânea.

 

Tratamento

Assim como uma gripe, não há um tratamento específico. Caso suspeite do contágio do vírus, a primeira coisa a fazer é procurar um profissional da área da saúde para que ele possa fazer uma avaliação correta.

Uma vez constatado o contágio pela doença, é necessário fazer repouso e tratar de forma sintomática, de acordo com a avaliação do profissional.

Você também pode gostar:

Como posso me prevenir da dengue?

De fato, a melhor forma de se prevenir, é evitando que o mosquito Aedes aegypti consiga se proliferar. Restos de água parada em pneus, vasos de plantas ou qualquer outro recipiente que possa vir a se tornar um criadouro do mosquito.

Outra forma é a utilização de roupas que minimizem a exposição do corpo, impedindo que o mosquito tenha acesso e consiga picar. Além disso, repelentes e inseticidas também podem ser usados.

Por último, no Brasil, já existe uma vacina contra a dengue registrada na Anvisa. Infelizmente ela ainda não está disponível no SUS, estando disponível somente na rede privada e é recomendada a utilização, somente em pessoas que já contraíram a doença.

No Brasil, os casos da dengue aumentam ano após ano. De fato, com alguns pequenos cuidados nas áreas externas, impedindo que o mosquito Aedes aegypti se prolifere, seria suficiente para reduzir o número de pessoas infectadas. Além do vírus da dengue, o mosquito da espécie Aedes aegypti é transmissor dos vírus da febre amarela, Zika e Chikungunya.

Crédito imagem: pxhere

Curioso por mais matérias como esta? Navegue pelo site do Mundo do Curioso ou acesse nossas redes sociais no Facebook e Twitter.

Comentários
Carregando...