5 habilidades incríveis que alguns animais da natureza possuem

O ser humano é capaz de fazer coisas incríveis com o seu corpo. Algumas pessoas, desenvolvem habilidades tão impressionantes que nos dão arrepios só de ver. Há aqueles que conseguem ficar sem respirar de baixo da água por mais de 20 minutos e também pessoas que tranquilamente suportam baixas temperaturas por um longo período sem dano algum ao seu corpo.

Mas a natureza é perfeita e capaz de adaptar cada ser conforme as suas necessidades. Alguns animais podem ter habilidades a qual nós, seres humanos, somos incapazes fisicamente de imitar. Essas habilidades podem ser tão impressionantes, que ao ficar sabendo delas, abrimos nossa mente para as infinitas possibilidades que teríamos, caso fossemos capazes de reproduzi-las em nossos corpos.

Imortalidade Benjamin Button

urritopsis nutricula

Pelo seu nome científico fica difícil de saber que animal é esse, mas é quase certo que você já tenha visto uma de sua família. A urritopsis nutricula, uma das milhares espécies popularmente conhecidas como “água-viva” tem a incrível habilidade de viver eternamente.

São conhecidas mais de 4 mil espécies de água viva e somente está tem a capacidade de se regenerar, não morrendo assim, de causas naturais, mas somente se algum predador a atacar. Esta espécie, foi descoberta em 1843, porém, sua habilidade de vida eterna, foi descoberta a pouco tempo.

Sua impressionante habilidade, permite que o animal seja como o “Benjamin Button” do mundo animal, pois ela tem a capacidade de rejuvenescer e reiniciar seu ciclo de vida, para sempre.

Sono profundo

Já se imaginou ter que ficar por um longo período sem se alimentar e ainda por cima de baixo da terra? Na caatinga brasileira, existe um sapo capaz de ficar enterrado de baixo da areia por até dois anos.

Pesquisadores brasileiros do instituto Butantan, presenciaram um estranho fenômeno em um entardecer após uma fraca chuva na região. Sapos começaram a brotar do chão arenoso, em busca de poças d´água para se alimentar e acasalar.

O sapo da espécie Pleurodema diploslister, tem essa interessante habilidade para se proteger das intempéries do clima. Assim como alguns animais hibernam, reduzindo sua capacidade metabólica em função do clima frio, este sapo, faz o mesmo para se proteger da falta de água e das altas temperaturas, podendo ficar adormecido por mais de dois anos.

Regenerar-se da cabeça aos pés

ambystoma

Já imaginou perder uma parte do seu corpo e ter a habilidade fazê-lo se regenerar completamente? Para nós humanos é algo completamente impossível até o momento e a solução para isto seriam o uso de próteses ou os transplantes.

Para os Ambystoma mexicanum, uma espécie de salamandra mexicana popularmente conhecida como Axolote, ter a capacidade de se regenerar é uma habilidade própria da espécie.

Tal poder de regeneração é tão impressionante, que há relatos de Axolotes que perderam completamente um dos olhos e em questão de dois meses, um novo olho estava regenerado e funcionando perfeitamente.

Ameaçados de extinção, devido a proliferação de espécies invasoras, sua capacidade regenerativa é estudada por cientistas para ser aplicada na medicina humana. Além disso, estudos para combate ao câncer também estão sendo feitos, já que nunca foram identificados tumores malignos nestes animais.  

Equilíbrio em quatro patas

Algumas espécies de macacos, tem a habilidade de se equilibrar sobre os galhos das árvores e se locomoverem tranquilamente com o seu corpo que é totalmente projetado pela natureza para isso. Seus braços longos e sua cauda extremamente forte, permite que eles alcancem as copas das árvores mais altas da floresta e até durmam por lá.

Impressiona vê-los na natureza, mas impressiona mais ainda quando vemos que uma cabra, pode ter tanta habilidade para se equilibrar em ambientes extremamente inóspitos. O Ibex-dos-alpes, um tipo de cabra que habita a região montanhosa dos Alpes na Europa, tem o estranho costume de se aventurar por locais que nós humanos, somente iríamos, com os equipamentos certos e muito treinamento.

O motivo para eles escalarem estes locais, é para se alimentar de sais minerais que ficam depositados entre as rochas.  

Você também pode se interessar:

Andar sobre a água

lagarto basilico

Há uma passagem da bíblia aonde o profeta Moisés, abre as águas do mar vermelho para que o seu povo pudesse fugir do faraó. Diferente do profeta Moisés, o lagarto Basilico, também conhecido como lagarto Jesus Cristo, desenvolveu a habilidade de caminhar sobre a água.

Muito veloz, ele consegue escapar facilmente de seus predadores, correndo sobre a água, aonde com toda certeza ele não será perseguido e estará a salvo.

Seus pés evoluíram para isso e possuem uma membrana entre os dedos, que quando em contato com a água em alta velocidade, criam uma bolsa de ar que possibilita que ele se mantenha sobre a água.

Eles também sabem nadar, caso precisem, mas como de baixo da água também há predadores, por que não se manter correndo em cima dela?

 

Então, gostou da matéria?

Que tal nos seguir também no Facebook e no Twitter? Assim poderá acompanhar ainda mais todos os assuntos publicados pela equipe do Mundo do Curioso a respeito de itens como Fatos curiosos, Bem estar, Saúde, Entretenimento, Ciência e Tecnologia entre outros relacionados ao mundo e suas peculiaridades.

 

Crédito imagem: pixabay

Comentários
Carregando...