IMPORTANTE: Máscara N95, o que você precisa saber?

A máscara N95 descartável ou semi descartável, assim como os demais IPIs usados para proteção contra agentes patogênicos como o coronavírus, são fundamentais, porém, se não forem usados de forma correta perdem sua eficácia.

Todavia em virtude da pandemia, muitas pessoas, que não são da área da saúde, estão correndo atrás destes equipamentos e acabam com muitas dúvidas e, principalmente, usando-os de forma errada e inadequada, o que gera efeito contrário, ao invés de proteger acaba se tornando mais um meio de contaminação.

A máscara N95 possui vários modelos, sendo a mais comum o tipo cirúrgico, totalmente descartável este tipo de máscara também tem uma forma correta de uso, assim como a N95 modelo PFF2 tem outra forma de uso, completamente diferente além de ser semi descartável.

Máscara N95 modelo cirúrgico

Este é o tipo mais comum e mais observada nas ruas durante a pandemia de covid-19. Este modelo é totalmente descartável, ou seja, não pode ser utilizado mais de uma vez.

Além disso, para ser eficaz ela deve ser trocada no máximo a cada três horas e o usuário não deve ficar tocando na mascara com as mãos sem higienização prévia ou estará contaminando o tecido que deveria se manter limpo e esterilizado.

Primordialmente é preciso observar que a máscara cirúrgica filtra partículas em apenas um sentido, retendo gotículas de saliva que são expelidas por quem a utiliza, mas não filtra as partículas externas, ficando contaminada por fora.

Assim se o usuário não a retirar de forma correta, esperar tempo demais para trocar ou ficar mexendo no material o tempo todo, estará se contaminando e recontaminando, e o uso da máscara perde totalmente a eficiência e a eficacia, ficando sem propósito.

Máscara N95 PFF2

Este modelo é indicado especificamente para pessoas da área da saúde e para suspeitos de contaminação por covid-19.

Na verdade este tipo de máscara N95 PFF2 é considerada semi descartável, ou seja, pode ser usada mais de uma vez mas deve ser individualizada e deve ser armazenada de forma correta, em um saco de papel ou em um saco plástico que tenha sido previamente furado pois os sacos plásticos sem furos podem permitir a umidade da máscara, funcionando como meio de proliferação de microrganismos patogênicos como os fungos e bactérias.

Todavia esta máscara possui 95% de eficiência de filtração de partículas maiores que 0,3μm e por isso o seu uso é indicado na proteção contra doenças por transmissão aérea como a covid-19 entre outros.

Além disso a máscara não deve ser dobrada ou amassada, pois isso irá comprometer a filtragem das partículas favorecendo a contaminação do usuário.

Aliás à utilização destas máscaras por pessoas com barbas ou cicatrizes profundas na face impedem que ela se ajuste ao rosto de forma eficiente e adequada prejudicando a elasticidade de suas alças de fixação na cabeça assim como a integridade da sua estrutura.

Por isso, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), os indivíduos que não apresentam sintomas da doença covid-19 ou que não tiveram contato com infectados só devem usar máscara se forem atender alguém com suspeita de contaminação pelo coronavírus.

Da mesma forma quem esteve com indivíduos suspeitos da doença e apresentar sintomas como tosses e espirros deve fazer uso de máscara para evitar a propagação.

Porém a OMS adverte que o uso das máscaras somente é eficaz quando combinado com medidas de higiene, ou seja, a lavagem das mãos com água e sabão, ou a desinfecção com álcool gel. Inegavelmente também é necessário aprender como colocar e descartar os equipamentos de proteção como luvas e máscaras.

Você também pode se interessar por:

Uso correto das máscaras N95 modelo cirúrgico e PFF2

  • A máscara é individual e não pode ser compartilhada por ninguém.
  • Antes de colocar a máscara, tem que se higienizar as mãos com água e sabão ou álcool gel.
  • A máscara tem que cobrir a boca e o nariz, não pode haver espaços entre o rosto e o equipamento de proteção
  • Não pode tocar a máscara enquanto a usa. Se precisa fazer isso, lave as mãos com água e sabão ou utilize álcool em gel antes e depois.
  • Quando a máscara estiver úmida, troque-a.
  • Nunca reutilize a máscara se for o modelo descartável e se for a semidescartável certifique-se que saberá como proceder para reutilizá-la
  • A máscara tem que ser retirada por trás, segurando nos elásticos, sem tocar na parte da frente contaminada.
  • Descarte a máscara em um recipiente fechado
  • Após a retirada, lavar as mãos com água e sabão ou higienizar com álcool em gel.

 

Comentários
Carregando...